segunda-feira, 22 de abril de 2024
InícioCidadesMais de duas toneladas de drogas são retiradas de circulação em Mato...

Mais de duas toneladas de drogas são retiradas de circulação em Mato Grosso

Em Mato Grosso, as forças de segurança retiraram mais de duas toneladas (2,371 kg) de drogas de circulação, no período de 1° a 24 de junho, durante a Operação Narco Brasil, realizada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública em todo o país. No estado, a ação é coordenada pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp).

Foram empregados 2.057 profissionais da Polícia Militar (PM), Polícia Judiciária Civil (PJC) e Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec). Neste período, foram feitas 95 diligências, 1.654 blitzs e barreiras, 32.538 abordagens a pessoas e 15.444 veículos fiscalizados.

O secretário adjunto de Integração Operacional da Sesp, coronel PM Victor Fortes, ressalta que o combate ao uso e tráfico de drogas passa por ações preventivas e repressivas. No âmbito da PJC, foram instaurados 363 inquéritos, dos quais foram concluídos 295.

Segundo a titular da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE), Juliana Chiquito Palhares, o combate ao tráfico de drogas deve ser entendido e planejado desde a pequena boca de fumo do bairro que incomoda a comunidade até as grandes organizações criminosas que lucram com essa atividade ilícita e fomentam outros crimes, como os homicídios, a violência doméstica, furtos, roubos, etc.

Também foram cumpridos 102 mandados busca domiciliar e 99 mandados de prisão. O total de pessoas presas chegou a 766.

Laudos periciais

Complementando a parte repressiva, a Politec é responsável pela confecção dos laudos periciais de todo o material apreendido. No caso dos entorpecentes, por exemplo, junto com o relatório técnico, a droga e apetrechos utilizados na atividade de tráfico são devolvidos para a DRE em envelopes de segurança lacrados.

Dentre os vários servidores da Politec envolvidos estão peritos oficiais criminais, técnicos de laboratório, servidores da área administrativa, todos da Gerência de Perícias em Química Forense e da unidade de inteligência da Politec.

A Operação Narco em Mato Grosso resultou ainda em 269 Autos de Prisão em Flagrante (APFs) lavrados, e apreensões de 134 armas, 380 munições, R$ 52.554,00 e 64 veículos.

Mais lidas nesta categoria
- Publicidade -spot_img

Siga-nos nas redes sociais

31FãsCurtida
18,052SeguidoresSeguir
3,191SeguidoresSeguir
597InscritosInscreva-se