sábado, 25 de junho de 2022
InícioCBN EspeciaisBiglarVeja como acertar na hora de harmonizar vinhos com a uva Chardonnay
CBN Cuiabá Adega Biglar

Veja como acertar na hora de harmonizar vinhos com a uva Chardonnay

Pouring white wine into glass, tilt shift

 

De origem francesa, a uva Chardonnay conquistou o gosto dos brasileiros. E, na Cave Noble Biglar, você encontra os rótulos das mais prestigiadas e diversificadas regiões do mundo.

Seja em ocasiões especiais ou no dia a dia, saber harmonizar vinhos é um diferencial. Nesta quinta-feira (26), data em que é celebrado o dia da Chardonnay, você tem um motivo a mais para desenvolver essa habilidade.

Para aqueles que têm dúvidas, a versatilidade da Chardonnay garante diferentes combinações e pode fazer desta uva uma das melhores apostas para os iniciantes. Contudo, é preciso tomar alguns cuidados para não errar.

Conhecida como a “Rainha das uvas brancas”, a Chardonnay é considerada como uma transição perfeita entre vinhos brancos e tintos. Esta potencialidade da uva faz com que diferentes alimentos possam ser combinados. Porém, dependendo da acidez e adstringência dos elementos postos à mesa, os rótulos desta cepa podem não ser os mais indicados.

 Do início

Para entender as melhores combinações desta uva, é preciso antes voltar ao processo de produção da Chardonnay.

Original na região da Borgonha, na França, a Chardonnay é extremamente versátil e de fácil cultivo. Por conta da flexibilidade, esta casta pode gerar de um vinho branco seco a opções doces. Além disso, ela também faz parte da composição de champanhes.

As variações dos vinhos nesses casos ocorrem por conta do tratamento do solo e do clima, o terroir, em que a uva é produzida. Assim, é possível verificar inclusive mudanças no teor alcoólico dos rótulos determinadas a partir do cultivo da casta.

“Por influencia do terroir (clima e solo) a chardonnay dá origem a vinhos diversificados; aqueles de clima mais frio e fermentados em tanques de aço inox são frutados, aromáticos, cítricos, leves e frescos, com teores alcoólicos variando entre 12 e 13%. Os provenientes de clima um pouco mais quente e que têm sua fermentação em barricas de carvalho, geralmente são mais alcoólicos (13% a 14,5%), exuberantes e estruturados, sendo mais amanteigados e encorpados”, apontou o Sommelier da rede de supermercados Big Lar, Luiz Roberto Corrêa Lima.

 Harmonização sem erros

As diversas possibilidades de combinações dos rótulos da Chardonnay fazem dela uma opção coringa na combinação de pratos.

Um dos diferenciais desta uva é sua capacidade de fácil harmonização com carnes brancas e frutos do mar. Contudo, há também como combinar a casta com variados tipos de queijos.

“A gama de alimentos que combinam com vinhos brancos da chardonnay é diversificada, e, dos queijos frescos aos de meia cura, é uma combinação perfeita entre o vinho e comida. Os pratos à base de molhos lácteos também são combinações perfeitas. Peixes e frutos do mar pedem um bom chardonnay e uma das mais clássicas harmonizações mundialmente conhecida é quando comemos as ostras frescas acompanhadas de um bom vinho Chablis, da França, considerado o Rei dos Chardonnais. Saladas, canapés, sushi, sashimi e carnes brancas também são combinações perfeitas”, detalhou o Sommelier.

Todavia, há limites para a versatilidade da Chardonnay. Os vinhos produzidos com esta casta não harmonizam muito bem com massas ao molho de tomate. Isso porque a acidez e adstringência deste tipo de alimento combinam melhor com vinhos tintos.

 Popularidade em destaque

As características desta cepa fizeram dos seus rótulos os mais consumidos dentre as uvas brancas.

Porém, vale destacar que, apesar do alto consumo da Chardonnay, a Airen, de origem espanhola, é a uva mais plantada do mundo.

A popularidade da “Rainha das uvas brancas” conquistou o coração dos apreciadores de vinhos ao redor do mundo e atravessou as fronteiras francesas.

Atualmente, além da França, também são importantes produtores da Chardonnay a Itália, Espanha, Estados Unidos, Austrália, Chile, Argentina e Brasil.

Produzidas em diferentes regiões, as uvas desta casta também pode receber os nomes de: Melon blanc, Pinot chardonnay,  Beaunois, Aubaine e outros.

 Rótulos disponíveis

Pela sua flexibilidade, a Chardonnay conta com diversos rótulos. Na Cave Noble BigLar é possível encontrar várias opções de vinhos produzidos com esta uva.

Além disso, há também rótulos de champanhes disponíveis. Confira a seguir uma lista completa das opções indicadas pelo Sommelier Luiz Roberto Corrêa Lima:

  1. Vinho Francês Georges Duboeuf Macôn Villages Chardonnay
  2. Vinho Francês Poulet Peres&Fils Bourgogne Chardonnay
  3. Vinho Francês Louis Jadot Chablis Chardonnay
  4. Vinho Californiano Oak Ridge Old Soul Chardonnay
  5. Vinho Argentino Domaine Bousquet Orgânico Reserva Chardonnay
  6. Vinho Argentino Mosquita Muerta Blend de Blancas
  7. Vinho Australiano Trentham River Retreat Chardonnay
  8. Vinho Brasileiro Pizzato Legno Chardonnay
  9. Vinho Brasileiro Amitie OAK Barrel Chardonnay
  10. Vinho Brasileiro Aurora Pinto Bandeira Chardonnay
  11. Vinho Chileno Concha y Toro Amélia Chardonnay
  12. Vinho Chileno De Martino Três Volcanes Chardonnay
  13. Vinho Espumante Garibaldi Chardonnay
  14. Vinho Uruguai Juan Carrau Reserva Chardonnay
  15. Vinho Italiano Il Poggione Bianco di Toscana
  16. Champagne Duval Leroy.
  17. Champagne Krug Grand Cuvée
  18. Champagne Louis Roederer Cristal

 

Veja mais em www.biglar.com.br

Siga-nos nas redes sociais

31FãsCurtida
18,052SeguidoresSeguir
3,191SeguidoresSeguir
597InscritosInscreva-se

CBN Especiais