sábado, 20 de julho de 2024
InícioCidadesAulas na rede estadual de MT retornam em junho de forma híbrida

Aulas na rede estadual de MT retornam em junho de forma híbrida

Foram estabelecidas medidas rígidas para o retorno seguro das atividades presenciais

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT) apresentou, na tarde de ontem, o plano de retomada das aulas na rede estadual de ensino na modalidade híbrida.

Ficou definida a volta das atividades escolares a partir do dia 7 de junho, com as aulas por meio de revezamento entre os estudantes.

Nesta primeira semana, os estudantes serão divididos em grupos e irão às aulas em dias alternados (50% cada dia).

Do dia 07 a 11 de junho, um grupo de alunos vai assistir aula presencial e o outro de forma não presencial (online e por apostilas).

Na semana seguinte, do dia 14 a 18 de junho, invertem-se os grupos.

A Seduc afirmou que o retorno às atividades presenciais poderá ser suspenso a qualquer momento, diante da situação epidemiológica de cada município.

As escolas da rede estadual devem seguir as recomendações sanitárias vigentes do município onde estão localizadas. Se forem mais restritivas, com base em decretos, as aulas devem ser suspensas.

NOTA TÉCNICA

Uma nota técnica conjunta elaborada pela Seduc e pela secretaria de Saúde estabelece todas as diretrizes a serem seguidas para a retomada das aulas presenciais.

Pela nota, são considerados aptos para o retorno presencial, no sistema híbrido, alunos e profissionais que não pertençam a grupo de risco, não apresentam sintomas da doença e não estão ou tiveram contato com alguém comprovadamente ou com sintomas da Covid-19 nos últimos 14 dias.

Professores, demais servidores da educação e alunos foram divididos em quatro grupos sendo que apenas os inseridos no grupo 4 são considerados aptos a retornarem às atividades presenciais.

No site da Seduc há o detalhamento de todos esses grupos. Clique AQUI e veja detalhes.

A Seduc afirmou que aqueles alunos que estão aptos a retornarem às salas de aulas, mas que não se sentem seguros, deverão permanecer em casa na primeira fase das aulas presenciais.

Porém os pais terão que assinar um termo de responsabilidade, garantindo a continuidade do processo pedagógico não presencial.

Mais lidas nesta categoria
- Publicidade -spot_img

Siga-nos nas redes sociais

31FãsCurtida
18,052SeguidoresSeguir
3,191SeguidoresSeguir
597InscritosInscreva-se