quarta-feira, 17 de abril de 2024
InícioPolíticaVereador critica irresponsabilidade fiscal e diz que Cuiabá está “mal na praça”

Vereador critica irresponsabilidade fiscal e diz que Cuiabá está “mal na praça”

O vereador Diego Guimarães (Cidadania) disse que o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), cometeu diversas “irresponsabilidades fiscais” em sua primeira gestão à frente da Capital, o que teria atribuído ao município a pecha de “mau pagador”.

Oposição do prefeito na Câmara Municipal, o parlamentar disse ao Jornal da CBN Cuiabá que o orçamento da Capital cresceu 50% em um curto período de tempo.

“A gestão viveu uma irresponsabilidade fiscal absoluta, gastando muito, administrando mal, mas se valendo da pujança econômica de Cuiabá. O orçamento de Cuiabá de 2017 para 2020 cresce de 50%. Ele sai de R$ 2,1 bilhões para R$ 3,2 bilhões agora em 2021. É um R$ 1,1 bilhão que cresceu”, disse o vereador.

“As irresponsabilidades fiscais do prefeito acabaram sendo absorvidas pelo crescimento econômico da nossa cidade. Isso se deve não à capacidade de gestão dele, mas à capacidade do cuiabano de empreender, de gerar emprego, gerar renda”, acrescentou.

Diego Guimarães também apontou que Cuiabá não tem mantido uma boa relação com seus principais fornecedores, sobretudo, por conta da demora no pagamento das contratações.

A desaceleração no alto volume de repasses fiscais do governo federal à Capital, especialmente os relativos ao combate da pandemia também é motivo de receio para o parlamentar. Isto porque, segundo ele, os recursos da União ajudaram a manter as contas públicas em 2020.

“Hoje, na praça, Cuiabá é tido como mau pagador, porque muitos bons fornecedores que existem não querem mais vender para Cuiabá. E aí os maus fornecedores vêm com um preço acima do mercado e ainda assim esses estão tendo dificuldades para receber”, finalizou o parlamentar.

Mais lidas nesta categoria
- Publicidade -spot_img

Siga-nos nas redes sociais

31FãsCurtida
18,052SeguidoresSeguir
3,191SeguidoresSeguir
597InscritosInscreva-se