sexta-feira, 1 de março de 2024
InícioDestaque PrincipalChefe do MPE diz que descumprimento pode provocar intervenção total na Prefeitura...
TAC NA SAÚDE

Chefe do MPE diz que descumprimento pode provocar intervenção total na Prefeitura de Cuiabá

O prefeito Emanuel Pinheiro tenta derrubar o termo na Justiça

THAIZA ASSUNÇÃO – DA REDAÇÃO

O procurador-geral de Justiça, Deosdete Cruz Junior, afirmou que o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) pode sofrer uma “intervenção total” na Prefeitura caso descumpra o Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) que pôs fim a intervenção na Saúde de Cuiabá no dia 31 de dezembro do ano passado.

O TAC foi firmado entre o Ministério Público Estadual (MPE) com a Saúde do Município, que na época era administrada pela interventora Daniela Carmona, e prevê uma série de medidas para que a Pasta não volte à situação de calamidade.

Emanuel vem tentando suspender o termo na Justiça, mas já teve dois recursos negados, um no Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT) e outro no Superior Tribunal de Justiça (STJ).

“Nós temos uma sentença que obriga o cumprimento daquele TAC. O prefeito ou qualquer um dos seus procuradores pode, naturalmente, questionar essa decisão, mas jamais pode deixar de cumpri-la”, afirmou Deosdete em entrevista ao Jornal da Rádio CBN Cuiabá na manhã desta quarta-feira (10).

“O descumprimento dessa decisão pode abrir margem, inclusive, em um cenário mais drástico, a uma nova intervenção não só na Saúde, pode ser uma intervenção total. Espero não ter que fazer um pedido como esse”, acrescentou.

O procurador-geral entende ser natural o prefeito questionar o termo na Justiça, mas destacou a importância da colaboração de Emanuel para o cumprimento do TAC, afirmando que a intervenção ainda deixou desafios que necessitam de um esforço conjunto para serem resolvidos.

“É natural esse questionamento, é legítimo, mas o que realmente nós gostaríamos é que houvesse um esforço do prefeito e da sua equipe para dar prosseguimento às conquistas [da intervenção]. Nós não estamos dizendo aqui que o trabalho da intervenção tornou a Saúde de Cuiabá perfeita, muito pelo contrário, há diversos desafios que precisam ser superados e é o esforço conjunto de um gestor sucedendo o outro que vai fazer com que a sociedade seja bem atendida. É isso que nós desejamos”, disse.

Veja a entrevista completa AQUI

 

 

Mais lidas nesta categoria
- Publicidade -spot_img

Siga-nos nas redes sociais

31FãsCurtida
18,052SeguidoresSeguir
3,191SeguidoresSeguir
597InscritosInscreva-se