terça-feira, 25 de junho de 2024
InícioDestaque PrincipalEmanuel indica sindicalista e médico para "gestão temporária" na Saúde
FIM DA INTERVENÇÃO

Emanuel indica sindicalista e médico para “gestão temporária” na Saúde

A medida foi adotada uma vez que chegou ao fim a intervenção estadual na Pasta

O prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (MDB) anunciou, no domingo (31), o servidor público Oscarlino Alves e o médico Anderson de Souza Ferreira Torres Araújo para comandar a Secretaria Municipal de Saúde.

A medida foi adotada uma vez que chegou ao fim a intervenção estadual na Pasta.

Segundo assessoria de imprensa do Município, a decisão tem caráter temporário e os dois indicados ficarão responsáveis por coordenador os trabalhos da Saúde neste período de festividades e início de ano.

“Estamos indicando essa equipe extremamente qualificada para garantir o atendimento imediato de todas as unidades de 24 horas, como o HMC e as UPAs, principalmente nesse período de festas”, anunciou o prefeito.

No sábado (29), a Procuradoria Geral do Estado (PGE) ingressou com um pedido no Tribunal de Justiça de Mato Grosso para que o prefeito indicasse imediatamente os gestores.

A desembargadora Graciema Ribeiro Caravellas, plantonista no período de recesso forense do Judiciário, negou o pedido.

“Apesar do Tribunal de Justiça ter emitido decisão de que a gestão possa realizar as nomeações até o dia 8 de janeiro, essa ação rápida é primordial, até porque estamos falando de unidades abertas 24 horas. Com essa medida, garantimos o atendimento à população com prioridade e urgência que o caso requer”, emendou Emanuel.

Oscarlino é servidor público concursado da Saúde e já ocupou a secretaria de Turismo na gestão Emanuel.

O médico Anderson Torres é clínico geral e tem 36 anos.

Mais lidas nesta categoria
- Publicidade -spot_img

Siga-nos nas redes sociais

31FãsCurtida
18,052SeguidoresSeguir
3,191SeguidoresSeguir
597InscritosInscreva-se