sábado, 13 de abril de 2024
InícioPolíticaAdjunto de Esporte critica atuação da prefeitura no entorno da Arena Pantanal

Adjunto de Esporte critica atuação da prefeitura no entorno da Arena Pantanal

Jefferson Neves apontou que a área ao redor da Arena serve como parque para a população e revelou dados levantados em pesquisa recente

O secretário-adjunto de Esporte, da Secretaria de Cultural, Esporte e Lazer de Mato Grosso, Jefferson Neves, criticou a atuação da prefeitura de Cuiabá no entorno da Arena Pantanal – que está recebendo jogos da Copa América.

Ao Jornal da CBN Cuiabá, na manhã desta segunda-feira (28), o secretário apontou que a participação da prefeitura junto à manutenção da área no entorno do estádio – que é de responsabilidade do Executivo municipal – tem sido “muito modesta”.

Jefferson Neves apontou que a área ao redor da Arena serve como parque para a população e revelou dados levantados em pesquisa recente. Segundo o balanço, o entorno do estádio, antes da pandemia, recebia até 6 mil pessoas durante um único final de semana.

O número expressivo de visitas revela a importância do local para a população cuiabana, conforme destacou o secretário. Neste sentido, o gestor disse que o Estado tem tentado diálogo junto à prefeitura em prol da manutenção da área, mas sem muito sucesso até então.

“O entorno todo, a parte estrutural da Arena, que é utilizado como parque, seria do Serviços Urbanos da prefeitura. Então, precisaríamos ter essa participação com a prefeitura que vem acontecendo de forma muito modesta. A gente tem tido essa dificuldade com eles para fazer isso, mas nossa equipe não para tentando entregar da melhor forma possível”, disse o secretário.

“O Estado não tinha condições em 2019 de contratar uma empresa e fazer essa limpeza de jardinagem ali no entorno. Mas é muito difícil, porque todas as empresas levam em consideração o tamanho da área. Então, fazer por metro quadrado fica muito caro”, acrescentou Jefferson Neves.

O gestor criticou também os sucessivos atrasos na entrega do Dutrinha, que prejudicariam a Arena Pantanal diretamente, uma vez que a praça esportiva seria a responsável por concentrar os jogos realizados em Cuiabá.

“Não contar com o Dutrinha é muito ruim. Para se ter uma noção, já tivemos neste ano mais de 30 jogos na Arena. Então, foram 31 jogos em 5 meses que é uma sobrecarga que os grandes estádios do mundo recebem o ano inteiro”, disse o secretário.

Mais lidas nesta categoria
- Publicidade -spot_img

Siga-nos nas redes sociais

31FãsCurtida
18,052SeguidoresSeguir
3,191SeguidoresSeguir
597InscritosInscreva-se