segunda-feira, 22 de julho de 2024
InícioCidadesCão que viria para Sinop morre após erro em voo da Gol
FICOU 8 HORAS NO VOO

Cão que viria para Sinop morre após erro em voo da Gol

João voltou a São Paulo, onde receberia o animal novamente; chegando lá, o animal lhe foi entregue morto

Um cachorro de cinco anos, da raça golden retriever, morreu na segunda-feira (22), durante o transporte aéreo da Gollog, empresa da companhia Gol, depois de um erro no destino.

O animal seria trazido para Sinop (500 km de Cuiabá), depois de sair do Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo.

Por um erro da empresa, o pet foi colocado em um avião que embarcou para Fortaleza (CE). O tutor do cão, o engenheiro João Fantazzini, só soube do ocorrido quando chegou em Sinop.

Diante da situação, João voltou a São Paulo, onde receberia o animal novamente. Chegando lá, o animal lhe foi entregue morto.

João relatou que o veterinário tinha dado um atestado indicando que o animal suportaria uma viagem de duas horas e meia, sem danos à saúde.

Com o erro, o cão ficou quase 8 horas no avião.

“Não tinha um veterinário em Fortaleza para saber se ele estava apto a pegar outro voo para Guarulhos. Lá a sensação [térmica] estava de 36°C. Imagina na pista” afirmou o tutor ao Jornal Hoje, da Rede Globo.

“Nem estabilizaram o cachorro, nem levaram para um lugar refrigerado, nem andaram um pouquinho com ele para ver como ele estava e mandaram de volta. Quando chegou aqui em Guarulhos, eles demoraram de 30 a 40 minutos, e meu filho perguntando ‘o que aconteceu?’, ‘cadê meu cachorro?’”, completou o tutor.

Em nota, a companhia lamentou a morte do animal e disse que “está oferecendo todo o suporte necessário ao tutor e a apuração dos detalhes do ocorrido está sendo conduzida com prioridade total”.

Veja vídeo: 

 

Veja nota:

“A GOL lamenta profundamente o ocorrido com o cão Joca e se solidariza com a dor do seu tutor. A Companhia informa que o cão Joca deveria ter seguido para Sinop (OPS), no voo 1480 do dia 22/04, a partir de Guarulhos (GRU), porém, por uma falha operacional o animal foi embarcado em um voo para Fortaleza (FOR).

Assim que o tutor chegou em Sinop, foi notificado sobre o ocorrido e sua escolha foi voltar para Guarulhos (GRU) para reencontrar o Joca.

A equipe da GOLLOG na capital cearense desembarcou o Joca e se encarregou de cuidar dele até o embarque no voo 1527 de volta para Guarulhos (GRU). Neste período, foram enviados para o tutor registros do Joca sendo acomodado de volta na aeronave. Infelizmente, logo após o pouso do voo no aeroporto de Guarulhos (GRU), vindo de Fortaleza, fomos surpreendidos pelo falecimento do animal.

A Companhia está oferecendo todo o suporte necessário ao tutor e a apuração dos detalhes do ocorrido está sendo conduzida com prioridade total pelo nosso time. Nos solidarizamos com o sofrimento do tutor do Joca. Entendemos a sua dor e lamentamos profundamente a perda do seu animal de estimação.”

 

Mais lidas nesta categoria
- Publicidade -spot_img

Siga-nos nas redes sociais

31FãsCurtida
18,052SeguidoresSeguir
3,191SeguidoresSeguir
597InscritosInscreva-se