terça-feira, 16 de abril de 2024
InícioPolíticaCotado para disputar eleição à Câmara Federal, Abílio critica atuação de parlamentares...

Cotado para disputar eleição à Câmara Federal, Abílio critica atuação de parlamentares de MT

Pré-definido como candidato do Podemos para a disputa à Câmara Federal em 2022, o ex-vereador por Cuiabá Abílio Júnior criticou a atuação dos parlamentares de Mato Grosso tanto no âmbito estadual quanto federal.

Durante entrevista ao Jornal da CBN Cuiabá, na manhã desta segunda-feira (21), o ex-parlamentar afirmou que não vê os deputados de Mato Grosso fiscalizando o uso de dinheiro público.

No Jornal, Abílio afirmou que a decisão a respeito da disputa por uma das cadeiras na Câmara Federal ainda não foi confirmada, mas assegurou que o partido do qual faz parte já o definiu como pré-candidato.

“Meu partido fez uma avaliação política dos nossos números aqui na Capital, do nosso trabalho, do nosso reconhecimento com a população. E ele me coloca como pré-candidato a deputado federal. É uma definição partidária que ainda estou estudando junto com minha família”, disse o ex-vereador.

Ao falar sobre o papel que poderá exercer na Câmara Federal, caso eleito, Abílio criticou a atuação dos atuais parlamentares que representam Mato Grosso, tanto na Assembleia Legislativa quanto no Congresso Nacional.

“O estado de Mato Grosso tem oito deputados federais e 24 deputados estaduais e eu não vejo os deputados federais ou estaduais fiscalizarem a aplicação dos recursos públicos. Eles, às vezes, ficam muito mais na discussão ideológica se pode isso ou aquilo, se aquele valor moral é permitido ou não, esquerda e direita e tudo mais”, acrescentou.

“Por mais que sejam 500 e poucos deputados federais em Brasília, Mato Grosso tem apenas oito deputados federais e esses oito precisam dar mais atenção à fiscalização dos recursos públicos. Assim como na Assembleia também, são 24 deputados estaduais e eu vejo muitas discussões ideológicas sobre direitos disso e daquilo, mas não vejo a fiscalização dos recursos”, finalizou.

Mais lidas nesta categoria
- Publicidade -spot_img

Siga-nos nas redes sociais

31FãsCurtida
18,052SeguidoresSeguir
3,191SeguidoresSeguir
597InscritosInscreva-se