segunda-feira, 22 de julho de 2024
InícioDestaque PrincipalMinistros Fávaro, Tebeb e Góes inauguram Rota Rondon, em Cáceres
VIA ESTRATÉGICA

Ministros Fávaro, Tebeb e Góes inauguram Rota Rondon, em Cáceres

A rota reduzirá em até 40% o tempo necessário para os alimentos produzidos no Brasil chegarem ao mercado asiático

Os ministros Carlos Fávaro (Agricultura), Simone Tebet (Planejamento e Orçamento), e Waldez Góes (Integração e Desenvolvimento Regional), inauguram nesta sexta-feira (21),a Rota Rondon, em Cáceres (220 km de Cuiabá).

O evento que leva o nome de “Rota de Integração Brasil, Ásia e Mercado Andino” acontece às 09 horas, no auditório do Instituto Federal de Mato Grosso.

Segundo o governo federal, esta nova via estratégica deve revolucionar o agronegócio brasileiro e fortalecer os laços comerciais com a comunidade andina.

Prefeitos e vereadores de Mato Grosso e da Bolívia confirmaram presença no evento.

O ministro Fávaro afirmou que o desenvolvimento da Rota Rondon tem sido uma agenda prioritária do ministério. A ideia é trabalhar a abertura de novos mercados e a melhoria da competitividade agrícola brasileira, demonstrando um compromisso sólido com o crescimento sustentável do setor.

Segundo Fávaro, a Rota Rondon representa um marco significativo para o agronegócio brasileiro, reduzindo em até 40% o tempo necessário para os alimentos produzidos no Brasil chegarem ao mercado asiático.

“Além disso, ela diminuirá em 25% o custo logístico do agronegócio nacional para a Ásia, aumentando a competitividade dos produtos brasileiros e gerando maior rentabilidade para a agricultura do país”, observa o ministro Fávaro.

A prefeita de Cáceres, Eliene Liberato Dias (PSB), informou que os ministros também farão uma visita à Zona de Processamento e Exportação (ZPE), destinada a sediar empresas orientadas para o mercado externo.

As empresas que se instalarem na ZPE terão acesso a tratamento tributário, cambial e administrativo especiais.

A Zona de Processamento de Cáceres é a terceira do Brasil e tem uma área de aproximadamente 240 hectares.

Na oportunidade, a prefeita Eliene e membros da administradora da ZPE de Mato Grosso vão solicitar aos ministros que sejam potencializadas as ações do Conselho Nacional das ZPEs para a aprovação dos CNPJs específicos para as quatro empresas que já manifestaram interesse em se instalar em Cáceres e já protocolizaram os documentos em Brasília.

“Só falta isso para que efetivamente a ZPE de Cáceres entre em funcionamento. Em março, recebemos a aprovação do alfandegamento da Receita Federal, por isso nossos pedidos aos ministros” destacou a gestora.

Mais lidas nesta categoria
- Publicidade -spot_img

Siga-nos nas redes sociais

31FãsCurtida
18,052SeguidoresSeguir
3,191SeguidoresSeguir
597InscritosInscreva-se