domingo, 3 de março de 2024
InícioDestaque PrincipalMinistro de Lula rejeita VLT em Cuiabá: “modal em desuso”
DEU NA ISTOÉ

Ministro de Lula rejeita VLT em Cuiabá: “modal em desuso”

O “veto” do governo Lula ao projeto foi noticiado pelo jornalista Leandro Mazzini

O ministro Chefe da Casa Civil do Palácio e coordenador-geral do PAC III, Rui Costa, descartou a possibilidade de o “VLT cuiabano” ser incluído nas obras do Programa de Aceleração do Crescimento do Governo Federal.

A articulação vinha sendo feita pelo prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB).

O “veto” do governo Lula ao projeto foi noticiado pelo jornalista Leandro Mazzini, da revista IstoÉ.

Conforme a coluna, o próprio Rui Costa ligou para o governador Mauro Mendes (União Brasil), avisando que não é possível incluir o VLT no programa em virtude de ser um modal “em desuso”.

Ainda segundo o ministro, que prevalecerá na Capital, a implantação do BRT, independentemente da vontade da Prefeitura.

Veja nota na íntegra:

 

Nesta sexta-feira (12), o prefeito Emanuel teve mais uma derrota em suas tentativas de barrar a obra do BRT.

O conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE-MT), Waldir Teis, negou recurso da prefeitura – chamado embargo de declaração – que pedia a suspensão de uma decisão singular dada pelo conselheiro Valter Albano, que determinou que a gestão municipal se abstenha de praticar qualquer medida que dificulte ou impeça as obras do BRT.

Mais lidas nesta categoria
- Publicidade -spot_img

Siga-nos nas redes sociais

31FãsCurtida
18,052SeguidoresSeguir
3,191SeguidoresSeguir
597InscritosInscreva-se