quinta-feira, 29 de fevereiro de 2024
InícioCidadesJuíza manda soltar fazendeiro que matou onça sob pagamento de multa de...
USARÁ TORNOZELEIRA

Juíza manda soltar fazendeiro que matou onça sob pagamento de multa de R$ 500 mil

A decisão foi proferida na noite de segunda-feira (18), em audiência de custódia

A juíza Kátia Rodrigues Oliveira determinou a soltura do fazendeiro Benedito Nédio Nunes Rondon, que aparece ao lado de uma onça-pintada morta em um vídeo. A decisão foi proferida na noite de segunda-feira (18), em audiência de custódia.

Conforme a decisão da magistrada, o fazendeiro deve ser liberado mediante uso de tornozeleira eletrônica e pagamento, em até 24 horas contadas a partir da determinação, de multa no valor de 413 salários mínimos – equivalente a mais de R$ 500 mil.

A audiência de custódia foi realizada após o fazendeiro se apresentar à polícia em Poconé, no final da tarde de segunda-feira. Na ocasião, Benedito procurou as autoridades do município na presença de seu advogado.

Durante o interrogatório, o fazendeiro se manteve em silêncio até que fosse submetido à audiência de custódia.

Relembre o caso

O fazendeiro teve a prisão preventiva decretada com base nas investigações da Polícia Civil em razão de um vídeo que circulou na internet, em que aparecia ao lado da onça morta, com uma pistola em cima do corpo do animal.

Durante a filmagem, o suspeito confessa o crime e dizendo que matou a onça, e ainda vilipendia o corpo do animal silvestre, dizendo que “não valia nada” e que se fosse uma fêmea aproveitaria para ter relações sexuais com o animal.

De acordo com informações preliminares obtidas nas investigações da Polícia Civil, o suspeito teria outras armas de fogo, além de couro, patas e outros materiais decorrentes de caça ilegal de animais silvestres em sua casa e na sua fazenda.

Mais lidas nesta categoria
- Publicidade -spot_img

Siga-nos nas redes sociais

31FãsCurtida
18,052SeguidoresSeguir
3,191SeguidoresSeguir
597InscritosInscreva-se