sexta-feira, 25 de junho de 2021
Início Política Suplente defende criação de Secretaria da Juventude e rebate pecha de “oportunismo”

Suplente defende criação de Secretaria da Juventude e rebate pecha de “oportunismo”

O suplente apontou que a secretaria teria um impacto financeiro muito baixo para o Estado

Suplente de vereador por Cuiabá, o coordenador da Juventude Democrata Gabriel Guilherme defendeu a criação da Secretaria da Juventude e rebateu as críticas de que a pasta estaria sendo pensada de forma supostamente “oportunista”.

Em entrevista ao Jornal da CBN Cuiabá, na manhã desta sexta-feira (4), o coordenador apontou que a secretaria teria um impacto financeiro muito baixo para o Estado. E acrescentou ainda que os “comentários [contrários] são de quem não têm serviço prestado”.

A indicação para criação da pasta foi feita pelo deputado estadual Eduardo Botelho (DEM) na última quarta-feira (26). Desde então, Gabriel Guilherme tem sido o nome cotado para ocupar a secretaria, caso o projeto avance e seja aprovado pelo governador Mauro Mendes (DEM).

Contudo, ao ser ventilado como um nome possível para ocupar a pasta, o coordenador da Juventude Democrata recebeu críticas diversas, dentre elas de que estaria utilizando a máquina pública como “trampolim” político.

Ao comentar sobre o caso, o suplente de vereador apontou que as críticas fazem parte de quem faz parte da vida pública e defendeu que tem serviço prestado à sociedade.

“Isso porque o Gabriel faz um trabalho, desde os 18 anos, trabalhando em prol dos jovens, isso é uma bandeira que não surgiu do nada. Então, eu tenho uma pequena série de serviços prestados até pela minha idade. Isso eu acredito que não passe de comentários de pessoas que não têm serviços prestados e quer apenas polemizar situação”, disse o coordenador.

Ao ser confrontado a respeito do suposto oportunismo em relação à criação da pasta, o suplente de vereador lembrou que Mato Grosso vive um momento superavitário das contas públicas e apontou que a pasta teria um custo mínimo ao Estado.

“É um estado que vem crescendo muito e a criação dessa Secretaria da Juventude gera um impacto financeiro mínimo. Como eu disse antes, a gente quer uma política pública feita pelo jovem e para o jovem”, finalizou.

Mais lidas nesta categoria
- Publicidade -

Siga-nos nas redes sociais

31Mil FãsCurtir
250SeguidoresSeguir