quarta-feira, 22 de setembro de 2021
Início Política Governador cita ataques de Bolsonaro e diz que processo de impeachment é...
APÓS DISCURSOS EM ATOS

Governador cita ataques de Bolsonaro e diz que processo de impeachment é “inevitável”

Para o governador, Bolsonaro já teria dado indícios claros de crime de responsabilidade uma vez que reiterou críticas ao Judiciário, instigando ataques ao Poder

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), que cumprirá agenda em Mato Grosso neste fim de semana, afirmou em entrevista ao Jornal da CBN Cuiabá que é “inevitável” a abertura e um processo de impeachment contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Os apontamentos do governador foram feitos durante entrevista ao Jornal nesta quinta-feira (9), dois dias após os pronunciamentos feitos pelo presidente em atos realizados por grupos bolsonaristas na última terça-feira (7) – data em que se celebrou o Dia da Independência.

Conforme noticiado pela reportagem, o presidente acirrou o tom de críticas contra o Supremo Tribunal Federal, chegando, inclusive, a apontar que não responderia mais às ordens do ministro Alexandre de Moraes. À CBN Cuiabá, Eduardo Leite considerou as falas de Bolsonaro como “sérios ataques”.

“Não se pode banalizar o impeachment, mas também não pode se permitir que se banalize a presidência da República. E ela tem sido atacada, a própria instituição da presidência, nossa constituição. São sérios e vários os ataques promovidos pelo presidente. Então, a abertura de um processo de impeachment parece ser inevitável”, disse.

Para o governador, Bolsonaro já teria dado indícios claros de crime de responsabilidade uma vez que reiterou críticas ao Judiciário, instigando ataques ao Poder. Nesse sentido, para o tucano, haveria toda a envergadura técnica e jurídica para instauração do processo, como resposta ao cenário criado.

“O próprio presidente está criando esse ambiente com sua popularidade sendo reduzida. As pessoas vão percebendo que os posicionamentos do presidente prejudicam suas vidas, a inflação vai aumentando, a economia não reage”, acrescentou o governador.

Veja a entrevista completa AQUI.

Mais lidas nesta categoria
- Publicidade -

Siga-nos nas redes sociais

31Mil FãsCurtir
18,052SeguidoresSeguir
3,191SeguidoresSeguir
597InscritosInscreva-se