terça-feira, 18 de maio de 2021
Início Esporte & Cultura Fim do mistério: conheça as 3 teses mais aceitas sobre a origem...

Fim do mistério: conheça as 3 teses mais aceitas sobre a origem do nome Cuiabá

Parte da população desconhece a origem do nome Cuiabá – que nesta quinta-feira (08) completará 302 anos. Assim, o deputado estadual Wilson Santos (PMDB), que é formado em História, detalhou as três teorias mais aceitas sobre a nomenclatura.

Amplamente difundida no passado, a primeira teoria conta que a Capital de Mato Grosso recebeu seu nome após uma intercorrência durante um banho de rio.

“Um português nadando pelo Coxipó deixou a cuia cair na água. Com a cuia descendo pela corrente, ele teria gritado para o colega ‘cuia bá, cuia bá’, que era na verdade ‘cuia vá’. Como o português não consegue dizer o b, ele troca por v”, disse o historiador.

A segunda origem provável para o nome Cuiabá vem dos indígenas Bororos. Segundo a teoria, a Capital recebeu o mesmo nome do espaço no qual se pescava peixes com flecha e arpão.

“Outra tese é a dos Bororos, de que Cuiabá era um lugar onde se pescavam peixes com flecha e arpão. Cuiabá então era onde se pegava peixes”, contou Wilson Santos.

A terceira hipótese, que é a mais difundida e aceita entre os estudiosos, aponta que Cuiabá seria derivada da expressão Guarani Cuiaverá, que significa rio das lontras brilhantes.

“A versão mais convincente é a do eminente historiador Paulo Pitaluga. Ele tem documentos comprovatórios de 1741 de que o nome Cuiabá vem de Cuiaverá, que é uma expressão que vem do Guarani. Isso significa o rio das lontras brilhantes”, disse.

No final da tarde, as lontras se encontravam ali pela região do Porto no rio Cuiabá. Como elas ficavam todas amontoadas e juntas, com o sol já se pondo, a luz batia no lombo delas e elas ficavam brilhantes. Então, naquele local onde se encontravam as lontras eles chamaram então com essa expressão Guarani”, finalizou

Bônus!

Menos comentada entre os historiadores, uma quarta teoria associaria a origem do nome Cuiabá a povos indígenas chamados Cuiabanases, que residiriam às margens do rio símbolo da Capital mato-grossense.

Mais lidas nesta categoria
- Publicidade -

Siga-nos nas redes sociais

31Mil FãsCurtir
250SeguidoresSeguir