terça-feira, 18 de maio de 2021
Início Esporte & Cultura Aos 72 anos, morre o artista plástico mato-grossense Clóvis Irigaray

Aos 72 anos, morre o artista plástico mato-grossense Clóvis Irigaray

Faleceu neste sábado (3), o artista plástico mato-grossense, Clóvis Hugueney Irigaray. A morte aconteceu enquanto ele dormia em sua residência, em Cuiabá.

Irigaray tinha 72 anos de idade e um dos maiores nomes da arte moderna.

Em 2013, ele foi nomeado Embaixador das Artes pela Academia Francesa de Artes, Letras e Cultura e também foi convidado para expor seu trabalho no Museu do Louvre, em Paris, um dos maiores e mais conceituados do mundo.

Irigaray ganhou notoriedade mundial ao retratar a figura do índio como elemento de protesto.

O artista participou da Bienal de São Paulo, Salão Nacional de Arte Moderna do Rio de Janeiro e no “Panoramas das Artes de Mato Grosso” no Museu de Arte e Cultura Popular, da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT).

Autoridades de Mato Grosso, além de amigos, artistas e familiares prestaram suas condolências pela partida do artista.

“Recebemos a notícia com muita tristeza. Mato Grosso perde hoje um de seus maiores artistas. Estendemos nossa solidariedade a todos os familiares, amigos e aqueles que, assim como nós, eram admiradores do trabalho do Irigaray”, lamentaram o governador Mauro Mendes e a primeira-dama Virginia Mendes.

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), também emitiu uma nota de pesar: “A arte mato-grossense uma de suas grandes referências que, com toda certeza, deixa o seu nome marcado na história. Esse é um momento de tristeza para todos que admiravam seu trabalho e, principalmente, para os familiares e os que eram mais próximos. Por isso, meu desejo é que Deus conforte a todos nesse momento de dor”.

Mais lidas nesta categoria
- Publicidade -

Siga-nos nas redes sociais

31Mil FãsCurtir
250SeguidoresSeguir