quarta-feira, 22 de setembro de 2021
Início Cidades AL convocará presidente da Aprosoja Brasil em CPI da Sonegação Fiscal
USO DE DINHEIRO PÚBLICO

AL convocará presidente da Aprosoja Brasil em CPI da Sonegação Fiscal

O requerimento de convocação foi confirmado pelo parlamentar na manhã desta segunda-feira (13), durante entrevista ao Jornal da CBN Cuiabá

O deputado estadual Wilson Santos (PSDB) afirmou que apresentará um requerimento para que o presidente da Aprosoja Brasil, Antônio Galvan, preste esclarecimentos na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Renúncia e Sonegação Fiscal ainda nesta semana.

O requerimento de convocação foi confirmado pelo parlamentar na manhã desta segunda-feira (13), durante entrevista ao Jornal da CBN Cuiabá. O deputado afirmou que o chamado garantirá a Galvan a possibilidade de se explicar sobre o recebimento de dinheiro público na Aprosoja Mato Grosso – à época em que o chefe da instituição nacional comandava a unidade estadual.

Conforme divulgado por reportagem do Jornal A Gazeta, que circula nesta segunda-feira, a Aprosoja Mato Grosso foi “alimentada”, entre os anos de 2008 e 2021, com cerca de R$ 421 milhões oriundos dos cofres públicos. Os dados são resultado de auditoria realizada pela Controladoria Geral do Estado e informações levantadas pela reportagem.

Ao Jornal da CBN Cuiabá, o deputado afirmou que a convocação servirá para o presidente prestar informações sobre o recebimento de dinheiro público e também sobre uma suposta malversação dos recursos da entidade, denunciada pelo próprio filho de Galvan.

“A CPI investiga desvio de recursos públicos, sonegação. E nós iremos apresentar essa semana um requerimento propondo a convocação do senhor Antônio Galvan para que ele possa prestar informações. Porque ele é objeto de denúncias do próprio filho. O filho dele que trouxe à tona que há malversação dos recursos da Aprosoja”, disse o deputado.

“Vamos dar a oportunidade para que a diretoria da Aprosoja Mato Grosso à época possa comparecer essa sessão da Comissão Parlamentar de Inquérito e trazer documentos e suas argumentações. Então, vamos, sim, ainda essa semana aprovar o requerimento para que ele possa comparecer à CPI munido de documentos e justificar as denúncias do próprio filho”, reiterou.

Mais lidas nesta categoria
- Publicidade -

Siga-nos nas redes sociais

31Mil FãsCurtir
18,052SeguidoresSeguir
3,191SeguidoresSeguir
597InscritosInscreva-se